cover
Tocando Agora:

Elba Ramalho 'engoma calça' de Ednardo em álbum com faixa com Juliette e produção de Luã Yvis

Cantora apresenta música inédita de Renato Teixeira em repertório pautado por regravações.

Elba Ramalho 'engoma calça' de Ednardo em álbum com faixa com Juliette e produção de Luã Yvis
Elba Ramalho 'engoma calça' de Ednardo em álbum com faixa com Juliette e produção de Luã Yvis (Foto: Reprodução)


♪ Em 1992, ao gravar o álbum EncantoElba Ramalho incluiu no repertório a canção Flora (1979), composta por Ednardo em parceria com Dominguinhos (1941 – 2013) e com o poeta Climério Ferreira. Decorridos 31 anos, a cantora paraibana volta ao repertório do compositor cearense em álbum gravado com produção musical de Luã Yvis, filho da artista.

Sucesso do mesmo álbum de 1979 em que Ednardo apresentou FloraEnquanto engoma a calça é parceria do compositor com o mesmo Climério Ferreira que figura no disco em que Elba apresenta música inédita de Renato Teixeira e faz dueto com a conterrânea Juliette em Nosso xote (2001), composição de autoria de Janayna Pereira lançada há 22 anos pela banda de forró Bicho de Pé – da qual Janayna foi vocalista por quase duas décadas – no álbum Com o pé nas nuvens (2001).


No álbum, previsto para este segundo semestre de 2023, Elba também dá voz à música Aqui nesse forró, composição de Gigi Cerqueira, baixista baiano parceiro de Ivete Sangalo em sucessos da axé music.

Feita com os toques dos músicos Beto Lemos (rabeca e viola), Durval Pereira (percussão), Marcos Arcanjo (guitarra), Rafael Meninão (sanfona) e Tostão Queiroga (bateria), além de alteração poética em verso da letra (Elba canta “Ai, como é linda essa nossa vida de artista” em substituição ao verso original “Ai, mas como é triste essa nossa vida de artista” ), a inédita gravação de Enquanto engoma a calça será lançada amanhã, 17 de agosto, dia do 72º aniversário de Elba, como terceiro single do álbum.

O primeiro single, Nosso xote, saiu em junho. Já o segundo, Aqui nesse forró, foi apresentado em julho.

FONTE: G1 (Por Mauro Ferrreira)

Comentários (0)